Museu Americano de História Natural em Nova York

Compre seus tickets agora
Museu Americano de História Natural em Nova York

O Museu Americano de História Natural, também chamado de AMNH, guarda uma coleção impressionante de esqueletos de dinossauros e diversos animais conservados por taxidermia. Fundado em 1869, o Museu Americano de História Natural NYC é especializado em exposições que mostram todos os tipos de animais em seus habitats naturais. Olhe pelas “janelas da natureza” e deixe o AMNH em Nova York te levar por um mergulho no mundo encantado da história natural.

Compre seus ingressos para o Museu Americano de História Natural aqui

Exposições Interessantes no AMNH

Às vezes, as pessoas confundem o museu com o “Museu Americano de História Nacional”, mas o AMNH (abreviatura do nome do museu) foca totalmente em natureza, não no desenvolvimento histórico dos Estados Unidos. Se você conhece o museu por causa do famoso filme “Uma Noite no Museu”, então você provavelmente sabe o quão grande ele é! O Museu Americano de História Natural é um dos maiores museus de história natural do mundo, então é fácil se perder. O ideal é decidir com antecedência o que gostaria de ver.

Há diversas exposições permanentes que valem visitar, além de exposições especiais itinerantes. Essas exposições especiais no Museu de História Natural são geralmente apresentadas com a ajuda de filmes 3D e outros elementos interativos. É possível que você tenha que comprar um ingresso separado para essas apresentações. Como esses ingressos geralmente não estão incluídos nos passes de desconto, avalie individualmente se vale a pena pagar o adicional.

Dê uma olhada nas 45 exposições permanentes fascinantes (se tiver tempo) que contam a história da natureza no continente americano e no mundo em geral. Com 33 milhões de artefatos, você com certeza encontrará algo interessante! Estes são os meus favoritos, que eu costumo recomendar a todos, tanto jovens quanto pessoas mais velhas:

Dinossauros nos Halls dos Fósseis (Fossil Halls)

Vamos começar com a parte mais famosa do museu, que fica no quarto andar. Na Ala dos Dinossauros, você encontrará incontáveis espécies dessas criaturas pré-históricas. O comprimento de alguns desses ossos pode te fazer se sentir realmente pequeno! Veja o Titanossauro, uma espécie descoberta recentemente, que tem mais de 37 metros de comprimento e quase não cabe em um dos salões dos fósseis. Dois dos meus favoritos também estão localizados no Salão dos Dinossauros ornitísquios: Estegossauro, o dinossauro com as pontas nas costas e o Tricerátops com os dois grandes chifres. Há até alguns ovos de dinossauros em um ninho em exibição!

Admire o Mamute gigante

No Salão dos Mamíferos Avançados, você pode ver a impressionante ossada de um mamute que viveu há milhares de anos (11.000 anos, pra ser exato). Conheça esse parente dos atuais elefantes junto com outros mamíferos na Ala dos Mamíferos e Seus Parentes Extintos, no quarto andar. Não perca o assustador Lestodon, uma preguiça gigante cujo esqueleto parece muito menos amigável do que as preguiças fofas que conhecemos hoje em dia.

Hall dos Mamíferos

Os Halls dos Mamíferos do Museu Americano de História Natural estão divididos em 6 subcategorias: América do Norte, África, Ásia, Nova York, Primatas e Pequenos Mamíferos. Se você não tiver tempo suficiente, escolha pelo menos um, ou melhor, dois destes, já que você realmente precisa ver os incríveis dioramas das diferentes espécies. Os animais aqui parecem quase reais em seu habitat natural.

Não perca os elefantes e leões africanos, localizados no segundo e terceiro andar. A majestade desses animais está perfeitamente retratada nas preparações. O departamento de Mamíferos Asiáticos no segundo andar do museu de história natural é igualmente fascinante. Se você se interessa pela vida selvagem do estado de Nova York, vá ao Hall dos Mamíferos de Nova York. E não esqueça dos Mamíferos Norte-Americanos no primeiro andar! Há 43 dioramas esperando por você como, por exemplo, os ursos marrons, alces e bois do Alasca.

Museum Americano de Historia Natural em Nova York - Diorama Museum Americano de Historia Natural em Nova York

Mergulhe na Vida Oceânica no AMNH Nova York

No primeiro andar, o Hall da Vida Oceânica te faz mergulhar pelas profundezas do oceano. Você aprende o quão diverso é o ambiente marítimo e pode também encontrar o maior animal do mundo, uma baleia azul, bem em cima da sua cabeça. A baleia azul é só uma das 750 criaturas do mar expostas no local. No fundo do mar, você também pode ver uma cachalote e uma lula gigante se enfrentando ou um tubarão baleia, o maior peixe vivo.

Uma Odisséia no Espaço no Rose Center for Earth and Space

O Rose Center for Earth and Space fica no primeiro e segundo andares. Lá, o Museu Americano de História Natural de Nova York te dá uma amostra do infinito espaço e nosso universo. Dê uma olhada no atlas digital do universo no planetário ou caminhe pela via cósmica que te faz sentir como se estivesse na nave espacial Enterprise. O que também vale a visita é o andar de baixo onde o maior meteorito já encontrado nos EUA está exibido. O meteorito Willamette pesa mais de 15 toneladas e atingiu a Terra com uma velocidade de 64.000 quilômetros por hora.

Museu Americano de História Natural em Nova York - Vida Oceânica Museum Americano de Historia Natural em Nova York - Planetário

Conservatório de Borboletas

Se você estiver visitando o Museu Americano de História Natural entre Outubro e Maio, o Conservatório de Borboletas é imperdível. Há mais de 500 borboletas vivas voando pelo local. Em contraste com o resto do museu, estas borboletas não estão empalhadas. Você encontra o conservatório no segundo andar (no piso da entrada).

Outras exposições permanentes no Museu de História Natural

O Museu Americano de História Natural também tem muitas outras exposições permanentes, como os Halls da Biodiversidade e Ambiental, onde você pode aprender mais sobre as espécies em risco e em extinção, como o dodô. Se você gosta de pássaros, dê um pulo no Hall dos Pássaros do Mundo no segundo piso. Você pode conferir os pinguins rei, cacatuas e condores andinos. Se você gosta mais de répteis, vá ao terceiro andar, onde crocodilos, sapos mortíferos e dragões de Komodo são as estrelas.

Outra grande área do museu são os Halls das Origens da Humanidade e Cultural, no segundo e terceiro andares. Percorra a evolução humana e suas origens com a ajuda de artefatos de Maoris, nativos da Amazônia, Incas, Yorubás, Astecas e muito mais. Se você é fã dos Moais (Cabeças da Ilha de Páscoa) do filme “Uma Noite no Museu”, você pode ver todo o elenco de moais no terceiro andar, no Hall dos Povos do Pacífico.

Visita do Eric em 90 minutos

Para ser totalmente honesto: você poderia passar um dia inteiro no Museu Americano de História Natural de NY e, ainda assim, não ver tudo. O museu tem 190.000 metros quadrados, afinal de contas! Eu geralmente começo minha visita na parte dos dinossauros. Vá para o quarto andar e localize a exposição “AMNH 5027” no Hall dos Dinossauros Saurísquios. Ele tem uma mandíbula que se estende por até 1,2 metro e braços bem pequenos. Mais conhecido como Tiranossauro Rex ou “Rexy”, este predador realmente fez jus ao nome.

Após isso, eu desço direto para o terceiro andar para ver os dioramas dos mamíferos. É fácil se perder no tempo aqui, então saiba antes quais são seus animais favoritos. Na minha opinião, os mais interessantes estão nas seções da África e Ásia. Não tem como se confundir, pois os dois departamentos têm elefantes.

Minha última parada em uma visita rápida é no mundo subaquático, no primeiro andar. O local com a vista da baleia azul é famoso para tirar fotos. Celebre sua visita com uma selfie sua com este mamífero do mar! Se você ainda tiver tempo, vá ver o Rose Center for Earth and Space.

Como visitar o Museu Americano de História Natural em NYC

A regra mais importante para visitar este museu de história natural é saber onde ir. Então não esqueça de pegar um mapa na entrada! Do contrário, você pode se perder e sentir como se estivesse andando em volta sem objetivo em vez de ver as melhores exposições.

Devido ao tamanho do local, diversidade de temas e de itens diferentes em exposição, é uma perfeita atividade para fazer com crianças em Nova York. É também ótimo para um dia chuvoso ou quando você precisar se aquecer um pouco durante o inverno. Com tempo bom, você pode fazer uma caminhada ou piquenique depois da visita no Central Park, que está do outro lado da rua. O tamanho e localização do prédio se sobressaem, então não tem como não ver o Museu Americano de História Natural em Nova York. O Ônibus Turístico para bem na frente dele no circuito Uptown.

O museu tem diversas lojas onde você pode comprar todo tipo de coisa, únicas e peculiares, desde camisetas a livros e brinquedos educativos. Se seu filho se interessa por dinossauros, saiba: pode ser difícil sair com ele de lá sem comprar uma pelúcia do Tricerátops ou um kit do esqueleto do T-Rex.

Há dois cafés, um no primeiro andar na Grand Gallery, onde você pode tomar vinho e cerveja, e outro café no quarto andar, onde refeições leves e petiscos são servidos. No piso mais baixo, do outro lado da entrada do metrô, você encontra a praça de alimentação, onde há mais opções e é bom para comer com toda a família.

Dica do Eric: Este deve ser o meu museu favorito em Nova York e eu geralmente não sou muito fã de museus, mas para o AMNH eu com certeza abro uma exceção. É realmente um passeio para todo mundo! É fácil de chegar, pois o museu tem sua própria estação de metrô. Vá cedo pela manhã e use as escadas em vez dos elevadores, já que estão sempre cheios.

Excursão Particular no Museu Americano de História Natural de Nova York

O Museu Americano de História Natural é um museu bem famoso e as filas para comprar ingressos costumam ser longas. Para deixar sua visita ainda mais especial e evitar perder tempo na fila, você pode reservar uma excursão particular que inclui um ingresso “fuja das filas” (skip-the-line). Durante este tour de 2 horas, você irá percorrer os destaques do museu e poderá tirar todas as dúvidas com o guia, sobre dinossauros, mamutes e mais.

Reserve o tour particular no AMNH aqui

Informações Práticas

A chapelaria pode ser encontrada na entrada principal, no lado do Central Park (79th Street). Casacos e bolsas podem ser guardados por $2 por pessoa. Mochilas grandes e malas não podem ser guardados. Todas as exposições do museu são acessíveis para cadeiras de rodas. Há elevadores perto das entradas da 77th Street e do Central Park.

É proibido beber ou comer dentro do museu. Fotografar é permitido para uso pessoal, mas pau de selfie e tripés são proibidos. Você pode fazer o download do app oficial do AMNH para ter acesso ao mapa digital e mais informações.

  • Horário de funcionamento:
    • Diariamente das 10:00 – 17:45
    • Fechado no Thanksgiving e dia de Natal
  • Localização: O endereço do Museu Americano de História Natural é 200 Central Park West, entre a West 77th Street e a West 81st Street. Pegue o metrô linhas C or B (somente em dias de semana) para a 81st Street station, esta é a parada mais próxima. Ou então, pegue a linha 1 para West 79th Street, e ande por 7 minutos.

Comprando ingressos para o Museu Americano de História Natural

Compre seus ingressos online com antecedência, assim você não precisa perder tempo na fila. Isso é mais rápido do que comprar ingressos no local. A entrada para o Museu Americano de História Natural também está incluída no New York Pass e New York Sightseeing Flex Pass.

Compre seus ingressos para o Museu Americano de História Natural aqui

Museu Americano de História Natural em Nova York - Empty Tour Museu Americano de História Natural em Nova York - Dinossauro

Ao continuar usando este site, você está concordando com a Política de Privacidade e uso de cookies. Veja mais informações aqui.

Search tickets
from
until
Search tickets